As inscrições começam no próximo dia 10 de julho

Em 2012, it-tema tat-tielet edizzjoni tal Odair Premju Firmino hija,,pt,It-tema tal żgħażagħ ggwidati kwistjonijiet tat-tiftix relatati mal-żgħażagħ organizzata,,pt,tieni regolament,,pt,Reġistrazzjoni għall-premju III jibdew il-jum li jmiss,,pt,Lulju u jmorru sal-ġurnata,,pt,permezz tal-websajt uffiċjali tal-premjijiet,,pt,promossi mill-netwerk Caritas kull sena,,pt,rilaxxati,,pt,l-għoti għandha tidher l-iskrizzjoni ta 'aktar minn,,pt,-żewġ edizzjonijiet ta 'qabel,,pt,il-premju kien maħsub biex jippromwovi l-azzjonijiet ta 'difiża tal-ħajja fi gruppi u jissaħħaħ ir-rwol tal-Brażiljan esklużi mill-politiki pubbliċi,,pt,Il-proġett rebbieħ kien "Passaġġi Alive",,pt,bit-tema "Mara,,pt Juventude, Desenvolvimento e Solidariedade. Semeando Direitos, colhendo Vidas. A temática da juventude busca pautar questões relacionadas com os jovens organizados, que visam incentivar o protagonismo e a conquista de direitos.

O prêmio selecionará experiências que possuam como uma das características, inclusão digital, inklużjoni soċjali,,pt,inklużjoni soċjali,,pt, combate a violência e extermínio de jovens, ações produtivas, geração de trabalho e renda por meio da Economia Solidária, formação de jovens, participação da juventude na construção de políticas públicas, entre outras características, segundo regulamento.

As inscrições para o III prêmio começam no próximo dia 10 de julho e vão até o dia 10 de setembro, através do site oficial da premiação. AQUI

Este ano os três primeiros colocados irão receber, além de um troféu e um certificado, um prêmio em dinheiro de R$ 10 mil para o primeiro lugar, R$ 5 mil para o segundo e um prêmio de R$ 3 mil para o terceiro.

O Prêmio Odair Firmino faz parte da Semana de Solidariedade, promovida pela Rede Cáritas todos os anos, de 5 a 12 de novembro.

Premju Odair Firmino

Lançado em 2010, em Brasília (DF), o Prêmio já contou com a inscrição de mais de 80 projetos, nas duas edições anteriores. Em 2010 o prêmio tinha como objetivo promover as ações de grupos em defesa da vida e valorizar o protagonismo dos brasileiros excluídos pelas políticas públicas. O projeto vencedor foi “Veredas Vivas”, da Agência 10envolvimento, comunidade Ponte de Mateus, localizada no município de São Desidério, interior da Bahia.

Em 2011, com o tema “Mulher, Meio Ambiente e Desenvolvimento”, l-għoti timmira li juru l-ġlieda u nisa ta 'azzjonijiet organizzati fi gruppi,,pt,storikament immirat għal bini ta 'l-umanità li jgħixu f'armonija man-natura,,pt,L-esperjenza rebbieħ kien "Il-ġlieda tan-nisa indiġeni għad-drittijiet indaqs u kwalità tal-ħajja tal-popli tagħhom" tal-Kumitat Indiġeni Nisa Organizzattiv Nofsinhar tal Bahia,,pt,Il-Premju Odair Firmino timmira li tippromwovi s-solidarjetà u jtejbu l-esperjenzi u l-azzjonijiet kollettivi u jirrikonoxxu l-isforzi ta 'organizzazzjonijiet,,pt,maria Cecilia,,es,Ikun interessanti li tibgħat involviment ta 'Kulleġġi,,pt,minħabba li ħafna mhumiex konxji ta 'dawn il-movimenti,,pt,Grazzi għall-suġġeriment Maria Cecilia,,pt,Tabelli Jorge,,pt, que historicamente visam construir uma humanidade viva em harmonia com a natureza. A experiência vencedora foi “A luta das mulheres indígenas pela igualdade de direitos e qualidade de vida de seus povos” da Comissão de Organização de Mulheres Indígenas do Sul da Bahia (Comisulba).

O Prêmio Odair Firmino tem o objetivo de promover a solidariedade e valorizar as experiências e as ações coletivas e reconhecer os esforços das organizações, associações, entidades e grupos populares na defesa da vida.

por Fernanda Nalon, estagiária da assessoria de Comunicação da Cáritas Brasileira / Secretariado Nacional